Voltar à lista

Museu do Transporte e Museu do Traje e Costumes (PT)

Santoinho Viana do Castelo

       


Museu do Transporte e Museu do Traje e Costumes

Os museus da recém criada Fundação Santoinho, têm como objetivo a preservação do vasto espólio congregado por António Cunha e a divulgação das tradições e cultura minhotas.

Museu do Transporte

Este museu deve-se à atividade de António Cunha, fundador da empresa AVIC, no setor dos transportes públicos de passageiros, especialmente na região do Minho.



Nos anos 50 obteve a licença nº1 em Portugal para transporte em aluguer turístico e organizou excursões no primeiro autocarro fabricado pela Salvador Caetano (em exposição). Estão expostos veículos desde a tração humana à animal, bem como posteriormente à motorização (autocarros antigos de turismo e carreira), demonstrando a grande evolução nos transportes nos últimos dois séculos.



Museu do Traje e Costumes

O Museu do Traje e Costumes, apesar de muito recente, tem as suas origens ainda na década de 70 do Séc. XX. António Cunha, responsável pela criação do arraial minhoto de Santoinho em 1972, sempre considerou a etnografia um pilar central da nossa cultura, colecionando um alargado número de alfaias agrícolas e adquirindo nos anos 70 um importante espólio de trajes minhotos.



Estando guardada durante os últimos 40 anos, com o objetivo de vir a integrar este museu, a coleção manteve-se intacta e é hoje das mais significativas do país, tanto pelo número de peças como pelo seu valor histórico. Através da criação deste museu é cumprida a vontade de António Cunha de partilhar a sua coleção com a comunidade.